Um elefante asiático com excesso de peso, que passou a maior parte de sua vida sozinho em cativeiro, foi finalmente liberto após 36 anos, sendo transferido para um santuário no Camboja.

Kaavan, o único elefante asiático do Paquistão, passou décadas vivendo em condições deploráveis em uma jaula do Zoológico de Islamabad. Devido a isso, ele sofria de várias doenças e tinha unhas rachadas e terrivelmente malformadas.

Em 2012, seu companheiro de jaula morreu e ele foi apelidado de “o elefante mais solitário do mundo”. A triste realidade de Kaavan desencadeou uma onda de indignação nas redes sociais, inspirando diversas organizações de defesa dos animais a lutarem pela transferência do animal.

Do outro lado do mundo, a cantora Cher soube da história do elefante e resolveu entrar na campanha para ajudar no realojamento do elefante. “Eu pensei: ‘Como posso consertar isso? Como posso salvar um elefante que está acorrentado a um galpão há décadas e está a milhares de quilômetros distância?'”.

No início deste ano, o Tribunal Superior de Islamabad ordenou o fechamento do zoológico devido às más condições a que os animais estavam exposto.

A ONG de bem-estar animal Four Paws foi autorizada a organizar a transferência de Kaavan, que havia chegado de presente do Sri Lanka ao Paquistão, quando era apenas um bebê. Depois de muitos anos de insistência, Kaavan finalmente começou sua jornada para sua nova vida.

A Free The Wild, instituição de caridade co-fundada por Cher, divulgou que na segunda-feira, 29 de novembro, nas primeiras horas da madrugada, Kaavan havia iniciado sua viagem ao Camboja. A cantora viajou ao Paquistão na última sexta-feira para garantir que o deslocamento do mamífero fosse feito adequadamente.

Leia também: Gatinho com AIDS felina aparece na porta de estranha e pede ajuda após anos vivendo nas ruas

“Acabei de voltar de uma reunião para agradecer ao primeiro-ministro Imran Kahn por possibilitar que eu trouxesse Kaavan ao Camboja”, disse.

O elefante viverá em um grande santuário, onde a maior parte de sua comida será fornecida naturalmente, mas ele receberá guloseimas e frutas para complementar a dieta.

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo:

Graças ao esforço de todas as pessoas que fizeram parte do resgate de Kaavan, o animal terá a vida que merece.

Leia também: 21 Provas de que os gatos têm uma lógica além da nossa compreensão

Compartilhe o post com seus amigos! 😉