Sagittarius serpentarius, também conhecido como serpentário, é uma ave de rapina diurna, a única espécie da família Sagittariidae, são carnívoras e podem viajar até 30 km por dia. Recebeu tal nome devido sua aparência com os funcionários do século 18, que usavam canetas enfiadas nas perucas.

Há mais de uma década, o experiente fotógrafo Brian Connolly trabalha com fotografia das natureza. Ele se diz surpreendido pela beleza da ave, que conseguiu impressioná-lo.

“Pelo que vi, a ave-serpentário é realmente única”, disse ele, “essas aves exóticas caçam cobras no chão, batendo-as com suas pernas e garras que parecem dinossauros”.

Os serpentários se alimentam de cobras, anfíbios, roedores além de ovos de pássaros e pequenos animais que são geralmente consumidos inteiros, enquanto presas maiores são mortas antes de serem consumidas, quando deseja tirar uma presa do seu esconderijo, bate no chão com seus pés grandes e robustos.

Leia Também:

“Os desafios de fotografar aves serpentário são semelhantes a qualquer fotografia de animais da vida selvagem”, disse Connolly. Eles se movem rapidamente e mantê-los nítidos e focados é sempre um desafio”. E continua Connolly: “A ave serpentário parece mais uma cegonha amigável do que uma ave de rapina. Essas aves altas podem medir cerca de 1,35 m (4,5 pés) de altura, pesar 3,3 kg (7,3 libras) e ter uma envergadura de mais de 2 m (6,5 pés) ”.

Conforme Connolly: “O serpentário tem uma cabeça relativamente pequena e um bico em gancho. A plumagem tende a uma cor cinza azulado claro e seu rosto é vermelho. Penas de voo são pretas e têm penas pretas nas coxas e na nuca. Suas pernas são longas e poderosas e, como mencionado anteriormente, são usadas para lidar com presas”.


Essas aves não têm dedos de agarrar como outras aves de rapina. Em vez disso, seus dedos são grossos e rombudos, com garras curtas nas extremidades. São criaturas majestosas e preferem campos abertos, estepes e savanas pontilhadas de árvores.


Eles vivem em áreas onde a grama é bastante curta para que possam caçar mais facilmente. As aves serpentário constroem grandes ninhos nas árvores de acácia ou espinhos feitos de galhos longos e chatos e grama e podem medir 8 pés de largura e 1 pé de profundidade.

É muito comum que seus ninhos cresçam ano após ano. Eles retornam aos seus ninhos, pouco antes do anoitecer, para pernoitar após a caça. Essas aves evitam florestas e arbustos densos, pois essas áreas restringem seu movimento.

A grande ave serpentário tem sido admirado na África por sua impressionante aparência e capacidade de lidar com pragas e cobras. Tamanha beleza a colocou no emblema do Sudão e ao brasão de armas da África do Sul.

Leia Também:


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!