ANÚNCIO

Willow é uma linda cadelinha cruza de duas raças: Labrador e Golden Retriever. Ela tem o trabalho de guiar sua dona Maisy Mc Adam por aí, ajudando-a a se locomover, o que Willow faz com muita alegria e dedicação.

Recentemente, a jovem de 23 anos levou o maior susto ao quase ter sua cachorrinha roubada enquanto caminhava em um parque no Reino Unido.

ANÚNCIO

A ação foi a seguinte: o homem se aproximou sorrateiramente e tirou a coleira de Willow para colocar outra e leva-la embora, mas Maisy ainda conta com uma pequena parte de sua visão e conseguiu ver a movimentação do homem, e ao se dirigir a ele para perguntar o que estava fazendo, ele se assustou e saiu correndo.

Apesar de ter conseguido impedir o roubo, a jovem ficou profundamente triste com a situação, afinal, mais do que uma guia, Willow é realmente importante para ela.

ANÚNCIO

Leia também: Turminha de cães ‘organiza’ baile de Carnaval com direito a ‘cãocurso’ de fantasia em Teresina

“Sinto-me mal com o que poderia ter acontecido. Estou preocupada porque Willow é tão amigável com as pessoas que ela não perceberá até que seja tarde demais”, disse a jovem.

ANÚNCIO

A primeira reação de Maisy foi sair do local e registrar uma ocorrência policial na delegacia mais próxima. No entanto, ela se mostra receosa em sair novamente sozinha com a pet.

Leia também: Menina pastora e seu cachorro resgatam cabra que deu à luz um filhote no meio do nada

“Agora estou bastante nervosa de sair e provavelmente irei andar mais com meu parceiro também. Ela é a melhor, eu sei que sou tendenciosa, mas ela realmente é. Ela me deu muita confiança, não apenas para viajar sozinha, mas para conhecer novas pessoas e falar por mim mesma”, declarou.

Com o isolamento, a procura por cães subiu muito, o que, infelizmente, aumentou a taxa de roubo dos mesmos. A polícia segue investigando o caso, enquanto protetores de animais classificam o episódio como ‘nojento’.

“Esta é a primeira vez que ouço falar de um ladrão de cães tentando roubar um cão-guia. É absolutamente nojento. O quão baixo alguém pode descer? Isso mostra que os roubos/furtos de cães estão fora de controle neste país. A lei precisa ser mudada agora com sentenças mais duras para furto de cães”, disse Debbie Matthews, de 65 anos.

Debbieé fundadora da Vets Get Scanning, que surgiu depois que seus cachorros Widget e Gizmo foram sequestrados. Felizmente, graças a um apelo do seu falecido pai, o apresentador de TV Bruce Forsyth, eles foram devolvidos.

Você pode gostar: