Por três anos, a cadela chihuahua Harleigh foi obrigada a gestar e dar à luz dezenas de filhotes em uma fazenda de criação no estado do Colorado (EUA). A rotina dela era extremamente abusiva e estressante, onde passava horas presa à uma espécie de gaiola sem poder sair.

No início deste ano, a cachorrinha foi resgatada pela ONG “National Mill Dog Rescue”.

Leia também: Mulher resgata cachorrinha de rua que encontrou em praia na Grécia e ajuda ela a ser adotada

Harleigh ficou em choque durante todo o resgate. Ela se encolhia em um canto sempre que qualquer pessoa estendia a mão para ela. Foi preciso muito esforço e paciência, mas eles conseguiram trazê-la em segurança para seu abrigo.

Lá, a chihuahua recebeu banho, comida, atenção veterinária e muito amor dos voluntários. Não demorou muito para eles perceberem as cicatrizes traumáticas – e profundas – de Harleigh. Aos poucos, possibilitaram que ela se acostumasse com o local e as pessoas que trabalham nele.

Um dos voluntários do abrigo tomou para si a tarefa de ‘quebrar a casca’ de medos de Harleigh. Ele visitava seu canil todos os dias, esperando que ela fosse até ele ou o deixasse acariciá-la. Ao longo de meses, essa rotina diária fez a cadela se sentir mais segura e aberta aos cuidados do voluntário.

Certo dia, Harleigh reuniu um pouco de coragem e abordou o homem sozinha. A equipe do abrigo observou com admiração enquanto ela o deixava segurá-la e acariciá-la pela primeira vez! Todos tiveram que conter as lágrimas quando ela se derreteu nos braços do rapaz. O bom esforço sempre é recompensado!

O voluntário paciente decidiu então adotar a cachorrinha chihuahua, levando-a para sua casa, onde rebatizou-a de Mindy. Desde então, Mindy não poderia estar mais feliz com sua nova família adotiva!

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo:

Leia também: Voluntários encontram cachorro de rua tremendo de frio em campo de neve na China

Compartilhe o post com seus amigos! 😉