ANÚNCIO

Embora suas principais tarefas se limitem ao combate a incêndios, hoje brigadas de incêndio em todo o mundo contam com pessoal treinado em diversas áreas. Porém, uma das atividades que muitas vezes passa despercebida é a que diz respeito ao resgate de animais, algo comum aos bombeiros, inclusive, do Brasil.

É importante notar que, nesses casos, os militares podem acabar com alguns ferimentos produzidos pelos comportamentos erráticos, agressivos ou nervosos dos animais assustados que resgatam.

ANÚNCIO

Leia também: Mulher fica devastada ao descobrir que seu cachorrinho desaparecido foi sacrificado ‘por engano’

Há alguns dias, o Corpo de Bombeiros Fangshan de Pequim, na China, recebeu o caso de um cão husky siberiano que ficou preso no gelo do lago congelado de Yanshan, um distrito que cobre parte dos subúrbios ao sul de Guilin e Guangxi, enquanto caminhava com sua mãe adotiva.

ANÚNCIO

Foi nesse momento que a aterrorizada mulher responsável pelo cachorrinho pediu ajuda à corporação da capital chinesa. Os militares não demoraram a chegar ao local.

Foi uma tarefa difícil. O husky estava preso no meio do gelo, muito assustado e incapaz de sair sozinho. No entanto, as ações rápidas dos bombeiros permitiram que ele continuasse vivo. Eles conseguiram salvá-lo sem maiores problemas.

ANÚNCIO

Dado que o canino estava a uma distância significativa da costa e não podia andar no gelo quebradiço, os socorristas tiveram uma ideia engenhosa. Eles jogaram um colete salva-vidas para que o husky pudesse alcançá-lo. O peludo o pegou sem problemas e foi capaz de ser arrastado para terra firme, são e salvo.

“Às 11h do dia 26 de dezembro, um husky acidentalmente caiu na água em um lago artificial na área de Yanshan enquanto caminhava com seu dono. Quando o dono percebeu, o husky estava meio submerso e suas duas patas no gelo, pedindo socorro”, relatou o corpo de bombeiros por meio de suas redes sociais.

Devido às baixas temperaturas, foi necessário agir o mais rápido possível para que este animal não ficasse exposto a maiores danos. Felizmente para o cachorrinho, não havia nada do que se arrepender. Agora ele está feliz na companhia de sua família.

“Os comandantes do Destacamento de Bombeiros do Distrito de Fangshan chegaram ao local após receberem o alarme. Eles levaram em consideração os fatores de gelo na superfície do lago e em sua parte mais profunda. Eles usaram cordas para amarrar o colete salva-vidas e o jogaram com precisão, bem ao lado do husky”, acrescentaram.

Os bombeiros são corajosos e experientes. Homens e mulheres que fazem um trabalho louvável de salvar vidas. Sempre prontos para ajudar os outros quando estes mais precisam.

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo:

Leia também: Ativista doa centenas de brinquedos a cães de abrigo que ainda aguardam adoção em SP


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!

Você pode gostar: