Drake é um cãozinho muito amigável e acolhedor que vive na fazenda “Black Goat Farm and Sanctuary”, em Ontário, no Canadá. O local abriga dezenas de ovelhas, carneiros e cordeiros que viverão uma vida digna e de qualidade, longe do fantasma do abate.

Como a fazenda é cheia de ovinos, o cão já está acostumado com a presença e até fez amizade com eles, especialmente um cordeirinho, o Jerry.

O filhote foi adotado em uma outra fazenda após ser rejeitado pela própria mãe e pelo dono da propriedade. O motivo? Ele era menor do que o ‘normal’ e havia nascido com alguns problemas de saúde.

Leia Também: Jovem recorre à internet para encontrar dono de ‘cachorro’, mas descobre que afinal era uma raposa

Drake e Jerry fizeram amizade muito rapidamente. O filhote sem mãe viu em Drake uma espécie de figura paterna. O cão também viu a carência do recém-nascido e começou a cuidar dele como se fosse seu filho.

“Jerry até começou a dormir em cima do Drake. A maioria dos cordeiros dorme em cima de suas mães”, disse Megan Mostacci, cofundadora do santuário. Em troca, Drake cuidava do filhote.

A boa relação entre eles foi interrompida abruptamente… Certo dia, Jerry sofreu uma parada cardiorrespiratória e não sobreviveu ao baque, chegando ao hospital já sem vida.

Isso foi um grande choque para todos, principalmente para o doguinho que não fazia ideia do porque do cordeiro não estava mais ali.

O pobrezinho procurou seu amigo por dias, mas não conseguia encontrar, então ficou cada vez mais triste. Foi em um desses dias que Dottie, uma cabra idosa que vive na propriedade há anos, percebeu a tristeza de Drake e foi consolar seu amigo.

Ela se deitou em cima do cachorro, assim como seu falecido amigo fazia.

O gesto de Dottie foi de extrema importância para a melhora da autoestima do cão. Ela passou vários dias fazendo companhia para ele.

Seja Drake fazendo o papel de mãe para Jerry ou Dottie consolando Drake, é incrível como alguns animais podem ser tão sensíveis e empáticos para com os sentimentos dos outros, né? Uma boa lição para os seres humanos aprenderem.

Leia Também: Gatinha abandonada e ignorada por milhares de pessoas recebe ajuda de jovem cuidadora


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!