ANÚNCIO

Faz exatamente sete meses que a soldada Sgt. Tracy McKithern viu sua cachorrinha Erby pela última vez. McKithern conheceu sua cadelinha quando foi enviada para o Iraque em 2017. Na época, a filhote e sua mãe, ambas claramente famintas e maltratadas, perambulavam pelas ruas em busca de comida quando chegaram à base militar da soldado.

“Ela amava todos”, disse McKithern. “Ela é a mais doce almazinha. Ela veio até mim imediatamente, provavelmente com fome, mas gentil. Acho que ela estava procurando amor mais do que qualquer outra coisa”.

ANÚNCIO

Então, a sargento nomeou a cadelinha “Erby” depois de Erbil, a cidade iraquiana em que estavam hospedadas. McKithern, junto com soldados das unidades militares italianas e alemãs, alimentaram as cachorrinhas e cuidaram delas até finalmente engordarem um pouco. Sempre que os soldados saíam em missões, Erby os esperava na base quando retornavam.

Então, quando o desdobramento de 1 ano de McKithern estava chegando ao fim, ela não suportaria se separar da cadelinha. A soldado postou uma foto de Erby na mídia social com uma legenda dizendo: “Eu gostaria de poder levá-la para casa”.

ANÚNCIO

Amigos e familiares se comoveram com a situação e entraram em contato com as organizações de resgate que poderiam ajudar a levar Erby para os Estados Unidos. Uma dessas organizações sem fins lucrativos, a Puppy Rescue Mission, ofereceu-se imediatamente para ajudar. Depois de encorajar estranhos a doar mais de US $ 3.500 para as vacinas e despesas de viagem, Erby estava finalmente pronta para se juntar a McKithern em sua casa em St. Petersburg, na Flórida.

McKithern estava inicialmente preocupada que ela fosse mandada para casa antes que pudesse completar toda a papelada, mas seus amigos alemães e italianos no Iraque prometeram terminar o processo para que Erby pudesse ser enviada para a América.

Erby tecnicamente chegou à América há dois meses, mas a cadelinha chegou ao aeroporto no mesmo dia em que McKithern foi enviada em para outra base em Wisconsin. O reencontro, infelizmente, teve de ser adiado novamente.

ANÚNCIO

No entanto, finalmente, a cachorrinha e sua dona se reuniram no Aeroporto Internacional de Tampa Bay na semana passada e o momento foi lindo. “Eu não posso acreditar”, disse McKithern. “Parece que um milagre está acontecendo.”

Veja o vídeo desse reencontro lindo:

Enquanto isso, a mãe de Erby ainda está sendo cuidada pelos soldados no Iraque, mas McKithern está otimista que a outra cachorrinha possa também ser adotada e levada para os Estados Unidos.


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado


Fonte: Good News NetworkBest of Web

Você pode gostar: