Raça rara de porquinhos-da-índia sem pelos se parece com bebês hipopótamos; veja fotos

ANÚNCIO
ANÚNCIO

Você já viu um bebê hipopótamo? Pois saiba que eles são absolutamente adoráveis! Com corpos gordinhos e fofos, é impossível não se encantar e querer acolher um em sua casa!

ANÚNCIO

Bem, você meio que pode… Mas não é um hipopótamo bebê de verdade. Estamos falando do pequeno ‘skinny pig’, ou ‘porco magro’ – que não é nem magro, nem porco.

Essa raça de porquinho-da-índia é uma estirpe quase sem pelos de cobaia. Os porcos magros geralmente têm pelos no focinho, pés e pernas, mas não têm pelos no restante do corpo. Alguns deles têm uma fina cobertura de cabelo felpudo nas costas também.

ANÚNCIO

Os porcos magros também são conhecidos pelo nome científico Cavia porcellus.

Eles se parecem muito com super mini hipopótamos. E quem não gostaria de um mini hipopótamo como animal de estimação? Eu quero!

ANÚNCIO

Enquanto os hipopótamos domesticamente, obviamente, não são reais, os porcos magros podem vir a ser. Esses pequeninos têm algumas manchas de pelo no rosto e nas pernas, mas são praticamente sem pelos.

Leia tambémIncêndio destrói abrigo que mantinha 120 cães resgatados do comércio de carne na Coreia do Sul

ANÚNCIO

Por isso, são animais de estimação de interior que requerem calor e proteção, segundo o portal Squeaks and Nibbles.

Porcos magros não são uma espécie natural. Eles foram criados por cientistas para serem usados ​​em pesquisas após a descoberta da mutação para calvície. A falta de cabelo tornou-os mais fáceis nas experimentações.

Os porcos magros são um pouco menores do que o porquinho-da-índia médio, devido à sua falta de pelos, pesam entre 1 a 2 libras (450g a 900g) e medem cerca de 9 a 12 polegadas (22 a 30 cm).

Eles variam em coloração devido aos ancestrais que tinham pelos. Então, se você cruzar um porquinho-da-índia ruivo com um porquinho-da-índia albino sem pelos, poderá obter porcos magros e sem pelos de pele vermelha.

Os filhotes mais comuns são os porcos pretos e magros chamados “Dalmation”.

O porco magro vem ganhando popularidade como animal de estimação ao longo dos anos na Europa e na América do Norte. Eles são conhecidos por serem criaturas “altamente sociais” e ficam mais felizes quando têm um companheiro, seja um porco magro ou um porquinho-da-índia peludo.

Esses animaizinhos fofo precisam de espaço para passear em torno de seus espaços de vida e precisam ter cobertores e materiais quentes ao redor, pois sua falta de pelo os torna suscetíveis ao frio.

É melhor usar materiais macios, como roupas de cama de lã, em vez de lascas de madeira ou equivalentes. Eles também são propensos a arranhões e dermatites, pois não têm pelagem para proteger a pele.

Mas essa falta também significa que eles não precisam tomar banho com tanta frequência. Acredita-se que os porcos magros tenham uma expectativa de vida média de cerca de cinco a sete anos.

Portanto, antes de comprar um porco magro, você deve se certificar de que pode fornecer os cuidados adequados. Você também deve considerar se deseja incentivar a criação de uma alternativa potencialmente menos saudável ao porquinho-da-índia.

“Na nossa opinião, a melhor maneira de comprar um porquinho-da-índia bebê é escolher um que tenha sido criado com a saúde como prioridade número um. O mesmo vale para qualquer animal, de qualquer raça”, aconselha Squeaks and Nibbles. “Então, talvez seja melhor não escolher um criado simplesmente pela cor, pela pelagem ou pela falta dela. Mas, em vez de escolher para a melhoria da raça. E, claro, para proporcionar a melhor qualidade de vida para o novo bebê.”

Leia tambémMulher encontra seu cachorro ‘perdido’ abraçado com um estranho no parque [VIDEO]

Compartilhe o post com seus amigos! 😉