A proatividade de uma policial do Condado de Onondaga, nos Estados Unidos, foi fundamental para salvar a vida de um cachorro que pertencia à um criminoso confesso com amplo histórico de maus-tratos aos animais.

Tudo começou quando a oficial Tara Kalil percebeu um homem passeando com seu cachorro durante sua patrulha. Tendo estudado o Registro de Abuso de Animais anteriormente como parte de suas funções, Tara imediatamente reconheceu o homem como um ex-agressor condenado por crimes envolvendo crueldade animal.

Leia também: Voluntários resgatam bezerro recém-nascido que era maltratado e se encontrava em muito mau estado

A policial é responsável direta por investigações de crueldade contra os animais no condado e logo percebeu que o cachorro encontrado naquela ronda não estava bem.

Della, de 2 anos, foi adquirida pelo homem por intermédio de uma pessoa ‘de confiança’ após ter diversos donos anteriores. Ela acabou sendo vendida ao conhecido abusador de animais, sem qualquer preocupação com sua segurança.

Uma investigação posterior constatou sinais de agressões no corpo do cachorro. Graças aos esforços de Tara, Della agora foi removida das garras do agressor.

Ele foi colocada sob os cuidados da ONG Humane CNY, onde está aguardando adoção. Embora Della tenha uma personalidade lúdica, obediente e enérgica, ele mostra sinais de extrema ansiedade devido à evidente falta de estabilidade em sua vida.

A história de Della é um grande lembrete sobre a importância de um registro adequado e atualizado de pessoas condenadas por abusos de animais.

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo:

Leia também: Com auxílio de drone, homem encontra cãozinho que ficou perdido em floresta por 10 dias