Mototaxista resgata cadelinha dócil que encontrou sozinha, doente e abandonada nas ruas

ANÚNCIO
ANÚNCIO

“O ser humano é o mais covarde dos animais, pois ele maltrata com consciência”. Assim definiu uma vez Sérgio Paulo Rouanet, notável ensaísta brasileira, sobre os indivíduos que maltratam e violentam os animais domésticos, mesmo conscientes de seu sofrimento.

ANÚNCIO

Alguns dias atrás, o mototaxista Ademir Silva, do Rio de Janeiro (RJ), estava em mais um turno de trabalho quando encontrou uma cadelinha abandonada no bairro Miguel Couto, em Belford Roxo, na região metropolitana da capital fluminense.

Leia também: Cachorrinho se aproxima de homem na rua em busca de um pouco de carinho e acaba sendo adotado

ANÚNCIO

“Galera, pessoas sem coração sempre abandonam animais aqui nesta área e hoje foi essa cadelinha super dócil. Ela está com pouca visão, olhos com remelas, mas está enxergando”, escreveu Ademir em um post compartilhado no Facebook.

“Infelizmente, notei que ela está com um tumor… Gostaria muito que alguém pudesse adotar ela pra ajudá-la; ela é um amor, super dócil […]”, completou o mototaxista.

ANÚNCIO

Leia também: Pit bull se perde da dona por acidente e resolve buscar abrigo em ônibus: ‘Não tinha aonde ir’

Naquele mesmo dia, ele proveu água, comida e carinho para a cadelinha. “Agora, ela já está cheia de amor comigo”, contou Ademir. “Como existem pessoas de coração tão ruim para abandonar um animal desse jeito?”, lamentou.

Para ajudar Ademir com doações, suprimentos ou informações, você pode entrar em contato com ele pelo fone (21) 96884-5423 ou pelo Facebook clicando aqui.

ANÚNCIO