O gatinho Sunny passou mais da metade de sua vida vivendo em um abrigo de animais, aguardando ser adotado por uma família, sem muito sucesso.

Em 2015, após muita espera, o bichano finalmente teve a oportunidade de deixar o local e recomeçar a vida do zero ao lado de seus novos tutores.

“Nós o pegamos de um abrigo cinco anos atrás, aos 8 anos de idade”, disse Shannon Richardson, mãe de Sunny. “Ele passou seis anos de sua vida procurando um novo lar e, assim que o conhecemos, tivemos que adotá-lo!”

Foram quatro anos de muito amor e carinho por parte da família de Sunny com ele. Afinal de contas, ele não tinha qualquer tipo de competição, ‘era filho único’ do casal.

Até que certo dia seus pais trouxeram para casa uma nova irmãzinha humana chamada Hazel, que deixou o gato imediatamente impressionado.

“Quando trouxemos Hazel para casa, ele não se importava muito com ela”, disse Richardson. “Abaixamos nossa filha e ele a cheirou, mas depois foi embora jantar.”

O felino tentou por meses ‘deixar bem claro’ que não era fã de Hazel. Seus pais se perguntavam se o teimoso gatinho um dia iria gostar de sua nova irmã. Isso durou até recentemente, quando eles olharam para o monitor do bebê e ficaram chocados com as imagens.

Leia Também: 

Numa noite, no final do mês passado, após seus pais colocarem Hazel na cama, Sunny entrou no quarto e pulou no berço, aconchegando-se ao lado dela para dormir.

“Esta foi sua primeira soneca com ela”, disse Richardson. “Fiquei super surpreso ao vê-lo no berço. Não há uma maneira fácil de subir sem pular muito longe e ele realmente não gosta de pular. Ele ficou lá por quatro horas antes que meu marido percebesse que ele não havia voltado para a cama conosco!

Acontece que Sunny sempre teve uma queda Hazel, mas ele ainda não estava pronto para demonstrar isso para o mundo!

Eles podem ter tido um início instável, mas a pequena dupla agora está no caminho de serem melhores amigos, e não há dúvida de que Sunny estará ao seu lado por muitos cochilos.

Leia Também: 


Gostou da matéria? Compartilhe este artigo. Isso nos ajuda a espalhar bons conteúdos nas redes sociais. Obrigado!