ANÚNCIO

Os cães Chloe, Chancey, Zoey e Scoop foram todos resgatados das ruas por sua mamãe adotiva, a norte-americana Brenda Hofstad Hughes. Hoje, eles são muito unidos, verdadeiros irmãos caninos.

De acordo com Brenda, eles também sofrem de um tipo de ‘ansiedade de separação’, haja visto que não gostam de ficarem separados por longos períodos de tempo.

ANÚNCIO

Leia também: Cachorro se mostra todo orgulhoso da bagunça que fez em casa quando sua mamãe estava fora

“Sempre que saio de casa, eles rasgam tudo o que conseguem e, quando estou em casa… sou a zona de conforto deles”, disse Brenda. “Todos eles amam as pessoas (exceto o carteiro) e todos dormem na nossa cama”, brinca a dona.

ANÚNCIO

A família Hofstad descobriu do pior jeito que os cães gostam de aprontar bagunça durante o dia, destruindo tudo pelo caminho até o nascer do Sol. Então, para impedir que os objetos da casa fossem destruídos, eles começaram a proteger certas coisas dos cães – como a Árvore de Natal que instalam semanas antes das festividades de fim de ano.

“A árvore de Natal é destruída todos os anos”, afirma Brenda.

ANÚNCIO

Segundo ela, não importa o quanto ela e o marido tentem, os cães sempre conseguem derrubar a enorme árvore de Natal todos os anos, e sempre ficam muito orgulhosos de si mesmos depois que a algazarra é feita.

Esse ano, cansada da destruição anual, Brenda decidiu que não poderia continuar limpando a bagunça, então comprou uma espécie de ‘campo de força’ para manter os cães excessivamente curiosos longe da árvore.

O portão de aço custou aproximadamente R$ 1000 (US$ 200), e, bem, até agora, valeu a pena todo o dinheiro gasto.

No momento, os cães não conseguiram passar pelo portão para chegar à árvore – mas é claro, ainda há tempo (três semanas até o Natal).

Claro, mesmo que a turminha esteja um pouco hiperativa e um pouco ansiosa, seus pais os amam muito e não os trocariam por nada no mundo.

Você pode gostar: