ANÚNCIO

No já distante ano de 2018, um casal de jovens adotou uma gatinha de rua com lindos olhos de cores diferentes que passava por sua vizinhança todos os dias. No entanto, antes de mais nada, eles tiveram que bolar um plano para ganhar sua confiança.

Sempre que Betty H. e o marido saíam para passear, notavam a gatinha vagando livremente (e sem rumo) pelo bairro onde moram.

ANÚNCIO

A felina de olhos raros e penetrantes era muito tímida, estava sempre suja e dava para perceber que estava com fome, por isso queriam ajudá-la. Como ela era muito evasiva, o casal teve que se aproximar aos poucos, para que a gata soubesse que estava tudo bem.

“Começamos a deixar comida e água para ajudá-la, ela começou a receber nossa ajuda”, disse Betty disse ao portal Love Meow.

ANÚNCIO

Desde então, Betty fez questão de alimentá-la três vezes ao dia, mas todas com a intenção de ganhar sua confiança, o que era difícil. Vários dias se passaram, e ninguém apareceu para reclamar a gatinha que batizaram e ‘Fluffy’, então o casal sabia que teria que passar pelo processo para resgatá-la.

Leia também: Menino se emociona ao reencontrar seu gatinho perdido por vários dias: “Meu amor voltou”

ANÚNCIO

“No início ela era muito quieta, assim que se acostumou com a minha presença, comecei a conversar com a Fluffy enquanto ela comia e bebia. Aos poucos, tentei acariciá-la. Era evidente que nunca tivera dono”, contou a mulher.

Com alguma paciência e cuidado, enfim, Fluffy se abriu para sua nova família. Foram três meses de processo.

“Eu dei a ela o primeiro banho que provavelmente nunca tomara. Tinha manchas pretas no nariz e resíduos laranja nas pernas, que eram muito difíceis de lavar. Pedaços de pelo estavam faltando e ela tinha enormes nós sujos em sua pele”, relembrou Betty.

Nos dias que se seguiram, ela foi ao veterinário tratar alguns problemas de saúde e cortou o ‘cabelo’ para remover todos os nós que a afligiam.

Leia também: Homem finge ser entregador de comida para furtar cadelinha poodle em condomínio

O outro animal de estimação da família, um gato chamado Lacie, rapidamente acolheu a recém-chegada e eles se tornaram bons companheiros – agora Lacie é muito mais brincalhão. Mas, Fluffy não está muito atrás; em apenas algumas semanas, a menina deixou de ser uma gatinha abandonada e passou a ser uma alma alegre e brincalhona!

“Quando chego em casa do trabalho, Fluffy espera na janela até eu sair do carro. Assim que abro a porta da frente, Fluffy está no topo do sofá, perto da porta, esperando para me cumprimentar”, disse Betty.

Já se passou mais de dois anos desde que o casal resgatou Fluffy, e agora ela se transformou em uma linda gata com lindos olhos amarelos e azuis. Não se sabe o que teria acontecido se o casal não tivesse resgatado Fluffy, mas ela está feliz com seu novo lar , cheia de amor.

Assista ao vídeo:

Você pode gostar: