Cãozinho encontrado chorando em casa abandonada não para de abraçar seus cuidadores do abrigo

ANÚNCIO
ANÚNCIO

Toro foi resgatado dentro de uma casa abandonada acorrentado a uma cerca em outubro do ano passado. Os voluntários da ONG Hempstead Animal Shelter ouviram ele chorando no quintal e invadiram a residência para ajudá-lo.

ANÚNCIO

Traumatizado, o cachorro passaria por um longo processo de recuperação até ser adotado por uma nova família.

“Quando ele entrou pela primeira vez, ele estava muito nervoso e inquieto” , disse Melissa Fogarty, supervisora do abrigo. “Ele se tornou mais confortável com as pessoas com as quais está acostumado, mas ainda estava um pouco nervoso no ambiente do abrigo.”

ANÚNCIO

Apesar do receio de manter contato com seres humanos, Toro foi se soltando gradativamente, revelando ser um doguinho surpreendentemente amoroso – e grudento.

“[…] Ele adora dar e receber abraços”, disse Melissa. “Toro já abraçou por 15 minutos no abrigo uma vez […]. Mesmo que o abrigo ainda o deixe um pouco nervoso, Toro está muito grato por estar em um lugar onde ele é seguro e amado, e lembra a todos disso sempre que pode.

ANÚNCIO

“Toda vez que ele sai do canil, sua primeira reação é abraçar a pessoa que está caminhando com ele, e qualquer pessoa, realmente, com quem ele entre em contato”, disse a supervisora.

ANÚNCIO

No início deste ano, Toro foi adotado, mas infelizmente retornou ao abrigo 10 dias depois porque não se adaptou à sua família. Ele ainda está procurando um lar acolhedor para morar, onde possa abraçar seus tutores todos os dias para mostrar o quanto os ama, assim como faz com Melissa.

Os voluntários do Hempstead esperam que isso ocorra em breve, especialmente agora, que a pandemia de Covid-19 perdeu força na cidade em que ele vive.

“Sinceramente, acho que ele não foi adotado porque é um mestiço de meia-idade que vive em um abrigo municipal de alto consumo”, disse Melissa. “Ele se perde nesse mar de cachorros que não se dão bem nos canis.”