Cadelinha com 12 anos de idade passou 11 anos em um abrigo e espera até hoje ser adotada

ANÚNCIO
ANÚNCIO

A cadela Molly passou 11 dos 12 anos de sua vida vivendo em um abrigo aguardando adoção.

ANÚNCIO

Ela chegou à Dogs Trust, em Loughborough, no Reino Unido quando tinha apenas 8 meses de vida, em 2009. De lá pra cá, dezenas de cães chegaram e saíram do abrigo, já adotados, enquanto a cachorrinha continua a aguardar.

Pela idade, Molly já é considerada idosa, e corre o risco de passar literalmente a vida inteira vivendo em um canil, sem conhecer uma família amorosa e um lar adotivo.

ANÚNCIO

Ao longo dos anos, a cachorra sempre recebeu muito amor e carinho dos funcionários do abrigo. Eles, no entanto, estão cada vez mais céticos de que ela será adotada.

“Molly é uma garota muito especial com um grande coração e adoraríamos que ela finalmente encontrasse o lar que ela merece”, disse Celine Di Crocco, gerente do Dogs Trust.

ANÚNCIO

Celine acredita que Molly será a ‘hóspede perfeita’ na casa de uma vindoura família. Isso porque ocasionalmente a funcionária do abrigo costuma levar a cachorrinha para sua casa, onde ela fica alguns dias. “Molly se adapta rápido e adora dormir na sala de estar. Além disso, ama receber carinho”, disse.

Seus cuidadores também uníssonos ao falar que ela é uma cadela muito doce; adora passear, brincar e a única coisa que procura é alguém que lhe dê muito amor.

ANÚNCIO

Após tantos anos de espera,  ir morar com uma família será uma grande mudança para Molly, que depois de passar toda a vida em um canil terá que se acostumar com múltiplas pessoas. Por isso a ONG recomenda a todos os interessados ​​em adotá-la que tenham uma atitude amigável no momento de conhecê-la.

“Ela teve um começo de vida muito difícil, mas todos os cães realmente merecem uma família amorosa e esperamos que [em breve] ela encontre a dela”, disse Celine.

“Molly é realmente uma garota linda, então se alguém está querendo dar as boas-vindas a um cachorro mais velho em suas vidas, então ela pode ser essa”, complementou. A equipe do abrigo continuará trabalhando para que Molly finalmente encontre a família que tanto merece.

Saiba mais assistindo ao vídeo abaixo: