ANÚNCIO

No dia 11 de Setembro, um pit bull de nariz azul, chamado Ace, saltou de uma janela ao ouvir alguém perto a conversar. Ele não saltou por ser agressivo, mas sim para salvar a própria vida. O cão de 6 anos, de Whitesville, Nova Iorque, estava a morrer à fome e ao ouvir as vozes dos vizinhos, partiu a janela para tentar conseguir ajuda.

As pessoas ao verem tal cenário correram em direcção ao cão e entraram no trailer, encontrando mais um cão, chamado Mooch, deitado quase sem vida no chão. O coitado mal conseguia erguer a cabeça, sendo duas latas fechadas de comida canina a única fonte possível de comida dos dois.

ANÚNCIO

Parte de um dente foi encontrado na lata – que um deles partiu ao tentar pegar a comida, além dessas latas, os cães tinham alguma água numa banheira. Alguém “limpou” tudo o que restava dentro do trailer, mas os cães foram deixados lá a morrer à fome.
Em consequência de toda esta situação, Eugenio N. Charles III, de 28 anos e aparente dono do trailer, foi acusado pelos investigadores da SPCA de delito grave agravado por crueldade contra animais.

ANÚNCIO

Charles enfrenta também duas acusações de contravenção por ultrapassagem, por faltar ao sustento apropriado e magoar e torturar animais. A instituição The Good Samaritans chamou ajuda, depois já de prestar cuidados aos cães. O Dr. Thomas Lopez, da clínica Wellsville Veterinarian, examinou ambos e comentou que Mooch pesava apenas 12kg, quando deveria pesar cerca de 27.

Os dois animais estão felizmente a recuperar, não deixando de ser nunca dois pequenos amigáveis e super carinhosos. Se você desejar acompanhar o progresso da recuperação e adoção dos dois pode fazê-lo na página do Facebook da SPCA Allegany.

ANÚNCIO
Você pode gostar: