O cão Bjarni foi encontrado vagando pelas ruas de Houston, no Texas (EUA) após ter sido abandonado por sua família. Ele nasceu com uma anomalia genética rara que prejudicou o desenvolvimento de metade do seu nariz e a má formação dos dentes. Como resultado, sua boca aparentava sempre estar aberta.

Voluntários do abrigo Saint Francis Angels resgataram o cãozinho e conseguiram descobrir quem eram seus donos. Ao contatá-los, veio a surpresa: eles não queriam Bjarni de volta de jeito algum devido à sua aparência.

O filhote então ficou no abrigo, disponível para adoção.

Cientes de que ele poderia jamais encontrar um novo lar adotivo por conta de sua condição, os voluntários do Saint Francis decidiram fazer uma vaquinha para angariar fundos suficientes para bancar uma cirurgia reparativa no focinho e na arcada dentária do cachorro.

Com a ajuda de Anne Graber, fundadora do abrigo, a cirurgia foi possível e a recuperação de Bjarni, um sucesso. Ela e os voluntários da ONG conseguiram juntar US$ 5,1 mil (R$ 27,8 mil), valor suficiente para bancar todos os gastos envolvendo a operação do filhote.

Após a cirurgia, a dificuldade crônica que Bjarni tinha para comer e respirar foi superada e agora ele está mais saudável do que nunca!

Tempos depois, o cãozinho foi adotado por uma família de Houston, que o levou para casa e tem cuidado dele desde então.

Anne agradeceu a equipe do abrigo pela garra e determinação na recuperação de Bjarni em uma postagem nas redes sociais e comentou: “Eu realmente acredito com todas as fibras do meu ser, que todos os animais têm um curso estabelecido para nos ensinar humanidade e compaixão. Nós só precisamos alcançá-los”.

Matéria escrita por Gabriel Pietro em exclusividade para o Portal do Animal. Siga-me no Instagram clicando aqui.