ANÚNCIO

Imagina o susto! Alguns dias atrás, a professora britânica Paulina Rybak ficou desesperada ao descobrir que seu querido cachorro pit bull Boston havia desaparecido durante um passeio ao parque em Londres, na Inglaterra.

Tutora e cão estavam caminhando por um bosque quando Paulina perdeu Boston de vista e não o achou mais naquele dia.

ANÚNCIO

De acordo com o portal Upsocl, a busca pelo doguinho se estendeu por quase uma semana, enquanto a britânica buscava informações via redes sociais e transeuntes do parque. Boston eventualmente foi encontrado pelo motorista Amos Paul Mak, que dirigia um ônibus municipal há alguns metros do parque.

Amos ficou comovido com o semblante triste e desolado do pit bull, que estava confuso e sem saber o que fazer no veículo.

ANÚNCIO

O motorista concluiu o itinerante até a estação Stratford, por volta das 21h30, quando encerrou seu turno de trabalho. Ele se aproximou do cachorro no fundo do ônibus e tentou confortá-lo e convencê-lo a sair do ônibus, mas Boston permaneceu imóvel.

Leia também: Mulher resgata cadelinha com infecção de pele grave e ajuda ela a se recuperar totalmente

ANÚNCIO

O motorista chegou a planejar dormir no veículo com o cachorro, mas foi impedido pela empresa, mesmo alegando que ele era dócil, apenas estava assustado.

Sem opções, Amos foi para casa enquanto Boston ficou dormindo no ônibus.

Leia também: Delegado Matheus Laiola resgata cachorrinho doente que foi arremessado de veículo em movimento

Na manha seguinte, ele encontrou o pit bull tremendo de frio… Então o agasalhou e o alimentou, embora nada disso tivesse mudado a sua expressão de tristeza.

Um colega de Amos, Ricky Hatton, tirou uma foto de Boston e compartilhou as imagens nas redes sociais. As fotos repercutiram até chegar aos veículos de imprensa local. Foi graças à essa divulgação, que a veterinária de Boston o viu e avisou a dona, Paulina.

Não se sabe como o pit bull foi parar no ônibus, mas Amos acredita que ele tenha sido roubado, já que diz se lembrar de tê-lo visto entrando com dois homens, enquanto Paulina acredita que tenha sido uma forma que ele encontrou de tentar voltar para casa. O que importa é que o cachorrinho, no final das contas, está bem!

Você pode gostar: